sexta-feira, agosto 31, 2007

Quando Russell Crowe não se importava de fazer publicidade...



Há quem se recorde deste discurso inflamatório de Russell Crowe, referindo-se aos actores que, segundo ele, vendiam a sua imagem e respectiva falange de admiradores em spots comerciais:

"Para mim, é uma espécie de sacrilégio. É uma contradição completa ao maldito contrato social que se tem com a audiência".

Estas frases assemelham-se a uma posição tomada quando o actor já possuía alguns dólares jeitosos na sua conta bancária. No entanto, e a julgar por este peculiar e antigo anúncio publicitário ao Avondale College, um colégio cristão australiano, no qual Crowe desempenha o papel de um rebelde convertido à perspectiva de se formar em ministro religioso, algo mudou ao longo dos anos:



Ah!, e a sua interpretação também aperfeiçoou-se consideravelmente.

Sem comentários: