quarta-feira, agosto 18, 2010

Elle Magazine



De encantadora amiga de um extra-terrestre, passando por um precoce e degradante consumo de álcool e drogas até ao estatuto da mais reputada 'protégée' de Steven Spielberg, Drew Barrymore personifica o melhor e o pior que Hollywood consegue produzir — está-lhe, certamente, nos genes...

Mas de vez em quando surpreende o Mundo, e a sua participação na edição de Agosto da Elle comprova-o, numa sessão fotográfica conduzida pelo experiente Carter Smith.











Permitam-se o êxtase: "Drew, you kill me..."

4 comentários:

Anónimo disse...

aff...

Dora disse...

Eu adoro a Drew! Sempre gostei muito dela desde que sou gente. Passou por muito mas conseguiu afirmar-se em Hollywood, tanto como realizador como pelas suas causas humanitárias.

Não gostei do "Whip it". Quero ver a nova comédia romântica com o querida dela, Jo ustin Long.

Sam disse...

Anónimo,

duplo 'aff'...!


Dora,

ainda não vi o WHIP IT — e vivo cheio de inveja do Justin Long! :)

Fifeco (Filipe Ferraz Coutinho) disse...

hmm... não partilho desta tua paixão :p