quarta-feira, dezembro 15, 2010

Vogue



Natalie Portman parece estar, neste momento, em todo o lado. Nomeada ao Globo de Ouro pelo seu arrasador e descomprometido desempenho em BLACK SWAN (e, todos os dias, cresce o favoritismo sobre as suas hipóteses de arrecadar o Oscar), a actriz faz as honras da capa da Vogue de Janeiro.

Na entrevista, ilustrada por esta "etérea" sessão fotográfica, Portman fala sobre os seus hábitos alimentares, o seu posicionamento como uma rapariga normal em Hollywood e, obviamente, da experiência que foi filmar, com Darren Aronofsky, o filme mais radical de sempre sobre ballet.

Por enquanto, são as imagens que nos captam os sentidos...









1 comentário:

Close up! disse...

Merece todo o protagonismo,sem dúvida!
É dona de uma beleza desconcertante.