quarta-feira, dezembro 07, 2011

Anime Alternativo

Quando nos referimos a animação japonesa, os primeiros nomes que, habitualmente, invocamos para a descrever passam por Osamu Tezuka, o Studio Ghibli, o cyberpunk de AKIRA (1988, Katsuhiro Otomo) ou GHOST IN THE SHELL (1995, Mamoru Oshii), Hayao Miyazaki e produções televisivas como DRAGON BALL.

Contudo, e sem menosprezo para os exemplos supracitados, há alguns anos que se assiste à ascensão de um movimento independente de animadores nipónicos, desassociados dos principais estúdios e que revelam uma faceta (para muitos) desconhecida da anime.

Destacam-se, agora, os principais trabalhos de um fenómeno que poderá dar cartas num futuro bem próximo.

Título: Anima
Realizador: Kazuhiro Hotchi



Uma demonstração das emoções humanas através do movimento físico:



Título: Ryoma Sakamoto
Realizador: Kazuhiro Hotchi



Os episódios mais importantes na vida de Ryoma Sakamoto, nome fundamental para o impulso tecnológico do Japão:



Título: Day of Nose
Realizador: Kei Oyama



Absurdo e metafórico, é uma interessante visão sobre o salaryman — anónimo e descartável por natureza:



Título: JAM
Realizador: Mirai Mizue



Uma colorida e hipnótica miscelânea de imagem e som:



Título: Pika Pika
Realizador: Tochka Collective



Usando uma técnica conhecida como light painting, animação e imagem real fundem-se de modo indelével e fascinante:



Título: The Evening Traveling
Realizador: Akino Kondoh



Poética ilustração visual de uma canção tradicional japonesa:



Título: Mount Head
Realizador: Koji Yamamura



Peculiar e divertida observação sobre os costumes japoneses e como os mesmos se enraízam, literalmente, na cabeça/mente das pessoas:



[Fonte: Wildgrounds]

Sem comentários: