sexta-feira, fevereiro 05, 2010

Festival Internacional de Berlim 2010



Com início agendado para o próximo dia 11 de Fevereiro, e prolongando-se até 21 do corrente mês, o 60º Festival Internacional de Berlim constitui uma montra privilegiada para o melhor cinema mundial deste ano. O júri desta edição é presidido por Werner Herzog, o qual estará secundado por nomes como as actrizes Cornelia Froboess e Renée Zellweger.

A programação está completa (oficialmente anunciada no passado dia 1) e a lista dos filmes que serão exibidos durante dez dias deixa antever alguns títulos merecedores de redobrada atenção:

EM COMPETIÇÃO

KYATAPIRÂ / CATTERPILLAR, de Kôji Wakamatsu (Japão)



Sinopse: O Tenente Kurokawa regressa da Segunda Guerra Sino-Japonesa repleto de condecorações mas fisicamente incapacitado pelo conflito. A sua esposa, Shigeko, vê-se no centro da atenção de todos — vizinhos, amigos e familiares — quando lhe é exigida uma devoção incondicional, digna de honrar o próprio Imperador, ao seu esposo e herói de guerra.

EN FAMILIE, de Pernille Fischer Christensen (Dinamarca)



Sinopse: Ditte Rheinwald, proprietária de uma galeria de arte e descendente de uma família com longa tradição ligada à confeitaria, aceita uma oferta para trabalhar em Nova Iorque. O seu carismático pai, Rikard, adoece subitamente e, moribundo, exige-lhe que assuma o negócio familiar. Um pedido que não só comprometerá o sonho de viver na Big Apple, como influenciará a sua felicidade conjugal.

GREENBERG, de Noah Baumbach (EUA)



Sinopse: Assistente pessoal da família Greenberg, Florence gere a residência dos seus empregadores durante a longa viagem de férias empreendida pelo clã. É então que surge Bruce, um Greenberg dotado de carácter imprevisível, inteligente e espirituoso. A partir da sua súbita estadia, Florence encontra uma empatia inesperada na vida e personalidade de Bruce.

THE GHOST WRITER, de Roman Polanski (Alemanha/França/Reino Unido)



Sinopse: "The Ghost", como se auto-denomina, é contratado para redigir as memórias do Primeiro-Ministro Adam Lang. No entanto, esse trabalho começa a levantar uma série de riscos à vida do escritor, num triângulo de mistério que congrega o suspeito falecimento do seu antecessor, ameaças da CIA e segredos relacionados com uma conspiração global.

HOWL, de Rob Epstein e Jeffrey Friedman (EUA)



Sinopse: Em 1957, Allen Ginsberg, com o seu poema Howl, é julgado em tribunal por promover "literatura obscena e perturbadora". A audiência será marcada por uma feroz troca de argumentos entre o promotor público Ralph McIntosh e o advogado de defesa Jake Ehrlich, e celebrizará, da noite para o dia, tanto o poema como o seu autor.

THE KILLER INSIDE ME, de Michael Winterbottom (EUA)



Sinopse: Lou Ford é o xerife de uma pequena cidade do Oklahoma, estimado por todos — até pelos vigaristas locais — e encarado como o típico agente da lei incorruptível. Contudo, existe uma alma mais sombria por detrás desta fachada, que será testada pela série de homicídios que avassalam a cidade. E quando o véu da suspeição cobre o seu nome, Lou revelará o que realmente caracteriza a sua personalidade.

MAMMUTH, de Gustave de Kervern e Benoît Delépine (França)



Sinopse: Um funcionário de um matadouro acaba de celebrar sessenta anos e, simultaneamente, a entrada na reforma. Descobre então, com grande surpresa, que muitos dos seus empregadores não o registaram na Segurança Social, ameaçando o pagamento da sua pensão mensal de reforma. Um acontecimento que motivará uma viagem às origens, reencontrando pelo caminho antigos colegas, amigos e... patrões.

NA PUTU / ON THE PATH, de Jasmila Žbanic (Alemanha/Áustria/Bósnia e Herzegovina)



Sinopse: A relação de Luna e Amar encontra-se em dificuldades: ele foi despedido por alcoolismo e o sonho dela em ter um filho quase posto de parte. É então que Amar aceita um emprego bem pago numa comunidade islâmica, situada numa idílica localidade campestre, onde homens e mulheres vivem em total separação. Quando Amar regressa, é um homem completamente diferente, suscitando em Luna a profunda reflexão sobre a sua vida actual e passada.

SAN QIANG PAI AN JING QI / A WOMAN, A GUN AND A NOODLE SHOP, de Yimou Zhang (China)



Sinopse: A esposa de Wang, abusivo e violento proprietário de um restaurante, nutre um caso extraconjugal com Li, o tímido cozinheiro do estabelecimento. Esgotada das constantes agressões a que tem sido sujeita, convence o amante de que só a morte de Wang lhes dará a felicidade. Contudo, Wang não só desconfia da infidelidade da esposa como sabe que Li tem um revólver em seu poder... Uma história de crime e suspeição com o remoto deserto de Jiayuguan em pano de fundo.

SUBMARINO, de Thomas Vinterberg (Dinamarca)



Sinopse: Nick e o seu irmão mais novo cresceram nas piores das circunstâncias: infâncias marcadas por pobreza, abuso, uma mãe alcoólica e a trágica dissolução da família. Muitos anos depois, os dois irmãos traçaram vidas separadas, mas procurando sempre uma reunião. Ocasionalmente, os caminhos de ambos cruzam-se, todavia o verdadeiro reencontro surgirá num estabelecimento prisional. E, para eles, poderá ser tarde demais.

FORA DE COMPETIÇÃO — ESTREIA MUNDIAL

THE KIDS ARE ALL RIGHT, de Lisa Cholodenko (EUA)



Sinopse: Jules e Nic são um casal de lésbicas com dois filhos (Joni e Laser) concebidos por inseminação artificial. Quando Joni completa dezoito anos, é compelida pelo irmão mais novo para a descoberta da identidade do seu pai biológico: Paul, um empreendedor bem sucedido e com poucos compromissos na sua vida. Reticente a princípio, vai crescendo em Paul, lentamente, o desejo de conhecer melhor os filhos e, de forma inesperada, as mulheres que os criaram.

OTOUTO / ABOUT HER BROTHER, de Yôji Yamada (Japão)



Sinopse: Após a morte do marido, Ginko fica responsável, juntamente com a filha Koharu e a sogra, pela gestão da farmácia Takano. Contudo, a situação irá piorar: Koharu casa-se e muda-se para outra cidade com o marido, deixando-a sozinha com a sogra; e o seu irmão Tetsuro, um cantor falhado que vende peixe frito num mercado da cidade, ressurge na vida de Ginko, trazendo consigo todos os seus problemas pessoais.

SHUTTER ISLAND, de Martin Scorsese (EUA)



Sinopse: Em 1954, o agende Teddy Daniels é encarregado de investigar o estranho desaparecimento de uma paciente em Ashecliffe, hospital psiquiátrico situado numa desolada ilha costeira de Boston chamada Shutter. Na instituição, todos — desde os médicos aos restantes pacientes — parecem ter algo a esconder. Mas quando um tornado assola a região, retendo Daniels em Ashecliffe, os mistérios adensam-se, ao mesmo tempo que o detective confronta as mágoas do seu passado recente.

Todas as fotos e sinopses constantes neste post foram retiradas da secção Programme do site oficial do Festival.

Sem comentários: