sexta-feira, agosto 19, 2011

Raúl Ruiz (1941 — 2011)



A quantidade de informação que a imagem filmada possui é enorme e displicente com quem a tentar organizar.

Prolífero cineasta chileno, realizou cerca de uma centena de filmes, a maioria dos quais adaptações de obras literárias que uniram o enorme respeito pela sua origem com um profundo sentido cinematográfico.

Da sua filmografia, destacam-se TRES TRISTES TIGRES (1968), L'HYPOTHÈSE DU TABLEAU VOLÉ (1979), GENEALOGIAS DE UM CRIME (1997), O TEMPO REENCONTRADO (1999) e AS ALMAS FORTES (2001).

Ruiz também nutriu uma relação especial com Portugal, tendo rodado no nosso país nove longas-metragens, nomeadamente LES TROIS COURONNES DU MATELOT (1983), A CIDADE DOS PIRATAS (1983) e o muito aclamado MISTÉRIOS DE LISBOA (2010), uma fabulosa produção de quatro horas e meia baseada na obra homónima de Camilo Castelo Branco.

Faleceu hoje, em Paris, vítima de doença prolongada.

Sem comentários: