terça-feira, julho 31, 2012

Sight & Sound: 10 Greatest Films of All Time 2012



Faltam poucas horas para o anúncio da lista dos 10 Melhores Filmes de Sempre da Sight & Sound (os eleitos de 2012 serão divulgados, durante o dia de amanhã, no perfil de Twitter da revista).

Realizada de dez em dez anos desde 1952, a lista é formada a partir dos veredictos de críticos de cinema, programadores de festivais, académicos, escritores e diversos cinéfilos. Este ano, o total de participações ascende a 846, nas quais contam-se 2045 filmes mencionados.

Obviamente, o Keyzer Soze não foi convidado a submeter dez títulos para a contagem final. Contudo, se tivesse acesso a um boletim da Sight & Sound, a minha participação ficaria assim disposta:


  1. 2001: ODISSEIA NO ESPAÇO (1968), de Stanley Kubrick.




  2. O ÚLTIMO ANO EM MARIENBAD (1961), de Alain Resnais.




  3. BARRY LYNDON (1975), de Stanley Kubrick.




  4. A MULHER QUE VIVEU DUAS VEZES (1958), de Alfred Hitchcock.




  5. RASHÔMON — ÀS PORTAS DO INFERNO (1950), de Akira Kurosawa.




  6. TEMPOS MODERNOS (1936), de Charles Chaplin.




  7. A CAIXA DE PANDORA (1929), de G.W. Pabst.




  8. BLADE RUNNER — PERIGO IMINENTE (1982), de Ridley Scott.




  9. MULHOLLAND DRIVE (2001), de David Lynch.




  10. FINIS TERRAE (1929), de Jean Epstein.




E quais seriam os 10 filmes que submeteriam à Sight & Sound?

5 comentários:

Luís Mendonça disse...

É difícil, muito, mas mesmo muito difícil, mas, quase sem pensar, faria uma lista próxima da seguinte:

1. 2001: A Space Odyssey de Stanley Kubrick

2. Citizen Kane de Orson Welles

3. North by Northwest de Alfred Hitchcock

4. Raging Bull de Martin Scorsese

5. Monsieur Verdoux de Charles Chaplin

6. El espíritu de la colmena de Victor Erice

7. Assault on Precinct 13 de John Carpenter

8. Bringing Up Baby de Howard Hawks

9. Mon Oncle de Jacques Tati

10. Ivan, o Terrível Parte I e II de Serguei M. Eisenstein

Sam disse...

Difícil, realmente, mas a tua é uma excelente tentativa!

Obrigado pelo comentário.

Cumps cinéfilos.

Luís Mendonça disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Luís Mendonça disse...

Obrigado. É um pouco conservadora, mas nisto não inovo: foram os filmes que moldaram a minha cinefilia, ponto final.

Claro que há ausências terríveis aqui, mas é melhor nem falar delas....

Cumprimentos,

Andreia Mandim disse...

Acho que neste campo as escolhas vão-se alterando com os anos, de acordo com o que vamos vendo...e é quase impossível fazer um top dez, pelo menos falo por mim... Não sou capaz de fazer um top por importância, mas aqui ficam alguns nomes (muito longe do que costuma acontecer, tem um pouco de tudo - seja mainstream, mais actual, clássico ou de culto):
Breakfast at Tiffanys, Vertigo, Santa Sangre, Voando sobre um Ninho de Cucos,The Shinning, Fight Club, Citzen Kane, Edward Scissorhands, Jeux d'enfants e Manhattan.


cumprimentos,
cinemaschallenge.blogspot.com