sexta-feira, fevereiro 22, 2013

Há 40 anos...



...a 22 de Fevereiro de 1973, foi «um excelente dia para um exorcismo»:



4 comentários:

António Tavares de Figueiredo disse...

É engraçado comparar as reacções das pessoas na altura com as da agora. Gosto especialmente do senhor que diz «I've never in my life known a movie where people would faint. It's hard to make people faint.». Resumindo, um dos melhores - se não mesmo o melhor - filmes do Friedkin.

Cumprimentos cinéfilos,
António Tavares de Figueiredo
(Matinée Portuense)

Sam disse...

António, é uma obra que, a meu ver, ainda não perdeu nenhum do seu poder — gráfico, espiritual, sobrenatural — de impressionar o espectador.

É um dos filmes da minha vida.

Cumps cinéfilos.

Rafael Santos disse...

Há estreias que gostava mesmo de ter testemunhado, esta seria uma delas! Este e o "Bug" são grandes pérolas do cinema. Bravo Friedkin. Passados 40 anos este filme ainda é tão eficaz...

Cumprimentos,
Rafael Santos
Memento mori

O Narrador Subjectivo disse...

Concordo com o Sam, para mim continua a ter um alcance inacreditável e é, sem dúvida, pelo menos um dos 3 melhores filmes de terror de sempre