domingo, maio 24, 2009

Festival de Cannes 2009 — Os Prémios



Um rol de prémios cosmopolita e à prova de qualquer polémica ou negativismo da imprensa: assim se pode resumir, numa frase, a natureza dos eleitos pelo Júri do 62º Festival de Cannes, presidido por Isabelle Huppert.

Destaque indispensável para a vitória portuguesa na Palma de Ouro de Curtas-Metragens. João Salaviza arrecadou o galardão com ARENA, uma obra de 16 minutos sobre um rapaz morador num bairro social de Lisboa.

Os vencedores da edição de 2009 são:

  • EM COMPETIÇÃO — LONGA-METRAGEM


Palma de Ouro
DAS WEIβE BAND (Alemanha/Áustria/França/Itália), de Michael Haneke


Grande Prémio do Júri
UN PROPHÈTE (França), de Jacques Audiard


Prémio de Realização
Brillante Mendoza, por KINATAY (Filipinas/França)


Prémio do Júri
FISH TANK (Reino Unido), de Andrea Arnold
(ex aequo)
THIRST [Bakjwi] (Coreia do Sul), de Park Chan-wook

Prémio de Interpretação Masculina
Christoph Waltz, por INGLORIOUS BASTERDS (EUA), de Quentin Tarantino


Prémio de Interpretação Feminina
Charlotte Gainsbourg, por ANTICHRIST, (Alemanha/Dinamarca/França/Itália/Suécia) de Lars Von Trier


Prémio de Argumento
Mei Feng, por SPRING FEVER (China), de Lou Ye

Palma de Ouro - Curta Metragem
ARENA, (PORTUGAL), DE JOÃO SALAVIZA


Prémio FIPRESCI (Federação Internacional de Críticos de Cinema)
DAS WEIβE BAND (Alemanha/Áustria/França/Itália), de Michael Haneke


Prémio Ecuménico do Júri
LOOKING FOR ERIC (Reino Unido), de Ken Loach


Menção honrosa, nesta categoria, para DAS WEIβE BAND (Alemanha/Áustria/França/Itália), de Michael Haneke.

  • CAMERA D'OR


SAMSON AND DELILAH (Austrália), de Warwick Thornton


  • UN CERTAIN REGARD


Prémio Un Certain Regard
KYNODONTAS [Dogtooth] (Grécia), de Yorgos Lanthimos


Prémio do Júri
POLITIST, ADJECTIV (Roménia), de Corneliu Porumboiu


--//--

A lista completa dos laureados pode ser consultada aqui.

Sem comentários: