terça-feira, outubro 20, 2009

Movie Moments #11



Woody Allen sempre foi magistral na forma como "introduz" o espectador ao tema principal de cada um dos seus filmes.

Aconteceu em ANNIE HALL (1977), naquele delicioso monólogo preambular sobre o doce e o amargo da existência humana; foi assim em MANHATTAN (1979), com uma montagem de imagens de Nova Iorque ao som de George Gerswhin; ou em PODEROSA AFRODITE (1995), onde o coro duma tragédia grega revela-nos a história e as suas personagens.

Contudo, foi preciso esperar quarenta anos para que Woody Allen nos brindasse com a mais fantástica introdução da sua carreira e uma das melhores dos últimos anos. Ocorreu em MATCH POINT (2005), soberbo conto moral sobre o "duelo" entre sorte e virtude, e reza assim:



1 comentário:

Fifeco disse...

Match Point e todo ele uma fabulosa criacao de Woody Allen. Mas nao existem duvidas algumas que esta introducao e o respectivo monologo sao assutadores.

Curiosamente, Mighty Aphrodite e mesmo o meu favorito de Allen. Ao contrario de uma significativa maioria nao vejo Annie Hall ou Manhattan como as suas grandes obras primas.

Abraco