terça-feira, maio 19, 2009

Festival de Cannes 2009 — Dia 7



A presença de Almodóvar em Cannes acrescenta sempre algo de único ao certame.
Este ano, o cineasta espanhol — duplamente galardoado pelo Festival como Melhor Realizador com TUDO SOBRE A MINHA MÃE (1999) e Melhor Argumento por VOLTAR (2006) — concorre à Palma de Ouro com LOS ABRAZOS ROTOS, que o próprio já descreveu como uma nova homenagem, da sua parte, à Sétima Arte.



E apesar da figura principal deste filme ser feminina (i.e., Penélope Cruz), as primeiras impressões sugerem um "apaziguamento" entre Almodóvar e as suas personagens masculinas. «Até há pouco tempo, as personagens masculinas intimidavam-me, porque, para as construir, só tenho a minha pessoa como referência. Mas agora, a intimidação é menor e, por isso, irão encontrar mais e mais homens nos meus filmes», afirmou o castelhano na conferência de imprensa. Quanto ao filme, as críticas são mistas mas privilegiam, acima de tudo, a maturidade de Almodóvar enquanto realizador e autor.

O abraço nunca 'quebrado' entre Penélope Cruz e Pedro Almodóvar

Penélope Cruz: uma actriz para todas as ocasiões

Apesar da discreta promoção que tem recebido, não percamos de vista a película italiana VINCERE, realizada por Marco Bellocchio (mais conhecido por BOM DIA, NOITE, editado entre nós pela Atalanta Filmes), que descreve a verídica, heróica e trágica vida de Ida Dalser, amante e mãe de um filho de Benito Mussolini, uma relação que o ditador negou e procurou apagar das suas biografias.



Após a sua estreia - é um dos títulos em Competição -, Bellocchio e Giovanna Mezzogiorno, a actriz que encarna a protagonista de VINCERE, foram unânimes ao caracterizar Ida Dalser como «uma trágica heroína» e, não obstante as contradições que a definiram, «poderia ser interpretada como uma mulher moderna, quase feminista. E que, contudo, dedicou a vida inteira a um só homem». O filme tem sido bem referenciado pela crítica, estando bem posicionado para causar "mossa" quando os prémios forem anunciados no próximo dia 24...

O trio de VINCERE: Filippo Timi, Giovanna Mezzogiorno e o realizador Marco Bellocchio

Sem comentários: